DA ACUMULAÇÃO DO MAGISTÉRIO COM DEMAIS CARGOS PÚBLICOS DA ÁREA JURÍDICA

  • Reis Friede

Resumo

O presente artigo analisa a questão da acumulação do cargo de professor com os demais cargos públicos da área jurídica, sob as óticas da limitação da jornada de trabalho e da compatibilidade de horários, à luz das divergências doutrinárias e jurisprudenciais a respeito do tema, bem como da correta hermenêutica dos regramentos constitucionais e infraconstitucionais relacionados à matéria.

##submission.authorBiography##

Reis Friede

Desembargador Federal, Diretor do Centro Cultural da Justiça Federal (CCJF), Mestre e Doutor em Direito. Professor e Pesquisador do Programa de Mestrado em Desenvolvimento Local do Centro Universitário Augusto Motta (UNISUAM), no Rio de Janeiro.

Referências

CRETELLA JÚNIOR, José. Comentários à Constituição 1988. Rio de Janeiro, Forense Universitária, 1991.

MAZZUOLI, Valério; ALVES, Waldir. Acumulação de Cargos Públicos: uma questão de aplicação da Constituição. São Paulo, Editora Revista dos Tribunais, 2013.

MEIRELLES, Hely Lopes. Direito Administrativo Brasileiro. 34. ed. Atual. São Paulo: Malheiros, 2008.

SANTOS, Luan Mesan Grossmann Mendes dos. Jurisprudência: servidores públicos: acúmulo de cargos. 2017. Disponível em: . Acesso em: 31 jan. 2018.
Publicado
2018-06-27
Como Citar
FRIEDE, Reis. DA ACUMULAÇÃO DO MAGISTÉRIO COM DEMAIS CARGOS PÚBLICOS DA ÁREA JURÍDICA. Revista da Seção Judiciária do Rio de Janeiro, [S.l.], v. 22, n. 42, p. 151-183, jun. 2018. ISSN 2177-8337. Disponível em: <http://lexcultccjf.trf2.jus.br/index.php/revistasjrj/article/view/27>. Acesso em: 07 jul. 2020. doi: https://doi.org/10.30749/2177-8337.v22n42p151-183.