SOBERANIA DOS ESTADOS E AUTONOMIA DOS POVOS: QUIS CUSTODIET IPSOS CUSTODES? UM BREVE OLHAR CRÍTICO

  • Laura Dutra de Abreu Universidade Veiga de Almeida

Resumo

O protagonismo da vontade dos povos acima da soberania. Este é um dos principais pilares do pensamento crítico de Luigi Ferrajoli. A presente reflexão busca alinhar a junção contemporânea de soberania dos Estados e a regulação do Direito, trazendo, no entanto, os sujeitos para dentro da narrativa, tirando-os do lugar de passivos que aderem à norma imposta, para efetivos cidadãos corresponsáveis pela regulação dos Estados soberanos, não o atual inverso.


 

Publicado
2019-10-10
Como Citar
DE ABREU, Laura Dutra. SOBERANIA DOS ESTADOS E AUTONOMIA DOS POVOS: QUIS CUSTODIET IPSOS CUSTODES? UM BREVE OLHAR CRÍTICO. Lex Cult Revista do CCJF, [S.l.], v. 3, n. 2, p. 41-49, out. 2019. ISSN 2594-8261. Disponível em: <http://lexcultccjf.trf2.jus.br/index.php/LexCult/article/view/258>. Acesso em: 18 nov. 2019.