Dossiê Educação no Brasil: esperança, drama ou farsa?

2021-08-04

Coordenação: Cláudia Affonso (Doutora em Educação pela UFF e Professora Aposentada do Colégio Pedro II) e Flavia de Lamare (Doutora em Política Pública e Formação Humana pela UERJ e Pedagoga responsável pelo NEP da Creche Fiocruz).

São históricos e consistentes os debates e disputas em torno da Educação e da função social da escola, no Brasil. “Educação é a nossa esperança” é o tema do Projeto Criança Esperança de 2021 e, talvez, emoldure o conjunto de slogans onde figuram “Ensino Médio Inovador”, “Novos Caminhos da Educação Profissional”, “Nova Base Nacional Comum Curricular”, “Ensino Híbrido”, “Todos pela Educação”, "Educação Infantil como janela de oportunidade" entre tantos outros. No ano do centenário do Patrono da Educação Brasileira, Paulo Freire, a Revista Lex Cult, do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, convida professores e pesquisadores da Área a apresentarem suas reflexões sobre os temas e problemas da Educação brasileira, de forma crítica e acessível ao público em geral, considerando o contexto da pandemia da Covid-19 e das múltiplas reformas em curso.

Destaca-se, para maior clareza, o objetivo de constituir-se como material de divulgação e popularização da pesquisa científica no campo educacional, de forma a permitir que responsáveis e estudantes tenham acesso ao emaranhado de fatores intervenientes na definição de políticas públicas de educação, na atualidade.

Pedimos aos autores que sigam as normas da revista que estão no link Diretrizes para Autores. Os artigos deverão ter, no máximo, 8 (oito) páginas e 5 (cinco) referências bibliográficas.

Os autores deverão submeter os artigos até o dia 15 de outubro de 2021 no site da revista, no link abaixo: 

http://lexcultccjf.trf2.jus.br/index.php/LexCult/about/submissions

Ressaltamos a necessidade do autor preencher, nos metadados da submissão, a sua instituição de vinculação, o resumo da sua biografia e o link do seu código Orcid.

A Edição será publicada até o dia 30 de dezembro de 2021.